[Catálogo] – Deu a Louca nos Monstros (Monster Squad – 1987)

Sim. Lobisomem tem saco!

monstersquad_poster

 

Sem dúvida alguma o passar das décadas causa mudanças significativas na forma como as crianças aprendem o que é a vida.  A geração anterior sempre tenta pregar que o tempo dela era melhor enquanto a nova geração nunca acredita.

Será que empinar pipa ou e jogar peão é melhor do que enfrentar os amigos online numa partida de PS3? Será que a super proteção das escolas para evitar qualquer tipo de brincadeira com medo do bullying agressivo vai criar adultos mais tranqüilos ou menos preparados?

Só saberemos estas respostas no futuro, mas uma coisa pode ser dita com toda a certeza, a cada geração algumas coisas melhoram e outras pioram. A sessão da tarde, definitivamente, piorou.

E um dos filmes que comprova isso é “Deu a Louca Nos Monstros” (monster Squad, no original) de 1987, um filme de monstros para crianças, mas divertidíssimo para todas as idades.

Deu-a-Louca-nos-Monstros-1987-3

Logo no inicio do filme vemos o o famoso caçador de Vampiros Van Helsing enfrentando o conde Drácula em um ritual um tanto quanto confuso, a coisa toda dá errado e o próprio Helsing acaba sugado por um vórtex dimensional (uma espécie de  redemoinho para outro mundo).

Monster-Squad_610O filme dá um salto para o tempo presente (que não é mais tão presente assim, 1987) onde conhecemos um grupo de crianças fãs de filmes de terror que criaram um “clubinho” para discutir teorias sobre monstros.

Coincidentemente a mãe do líder do grupo (um garoto que usa uma camiseta onde se lê “Stephen King Rules”) compra em um sebo um diário escrito pelo próprio Van Helsing , só que o livro está em alemão. Com a ajuda de um vizinho meio esquisito, o “Alemão que Assusta”, as crianças descobrem que existe um amuleto quase indestrutível que mantém o equilíbrio entre o bem e o mal no universo, mas que a cada 100 anos, exatamente à meia noite, este amuleto se torna vulnerável por alguns minutos e se ele for destruído as forças do mal reinarão sobre a Terra.

E adivinhem, o amuleto está escondido na cidade e poderá ser destruído justamente na noite seguinte, o diário de Van Helsing tem o passo a passo.

Sabendo desta ocasião especial, o conde Drácula reúne um grupo de monstros formado por Frankentein, Lobisomem, Monstro do Pântano e Múmia para perseguir as crianças em busca do diário.

215580_194899270545748_130940650274944_417008_7161017_n

Achando que os adultos não vão acreditar neles (mesmo com monstros andando no meio da rua), as crianças decidem sozinhas criar o Esquadrão Monstro e enfrentar as forças do mal em um ritual que envolve o amuleto, uma virgem e algumas palavras ditas em alemão.

OK, o roteiro não é a coisa mais criativa e original da história do cinema, mas garante 80 minutos de muita diversão.

Muito injustamente, o filme foi um fracasso nas bilheterias americanas. Um dos motivos foi o marketing mal feito, o filme não sabia para qual público se vender, tentaram se comparara com “Os Caça-Fantasmas”, mas sem sucesso.

Os pais achavam que não poderiam levar suas crianças para ver um filme de monstros e os que tinham idade para irem sozinhos não “perderam seu tempo” vendo um filme com crianças.

Hoje em dia este filme teria sérios problemas com a censura por mostrar crianças discutindo virgindade, fumando (um dos heróis do filme, de 15 anos, fuma como se isso fosse a coisa mais legal do mundo), fazendo rituais de magia negra, desmembrando monstros, usando escopetas, etc. Mas eram os anos oitenta, e nos anos oitenta tudo era permitido.

the-monster-squad4Os efeitos são na maioria práticos pois na época a computação gráfica estava engatinhando, apenas o efeito do vórtex é em CGI e justamente acabou se tornando o efeito mais datado do filme. Mas até este efeito tosco vale pela nostalgia oitentista.

Além disso para ajudar no envolvimento dos atores mirins, os que interpretavam os monstros nunca apareciam descaracterizados perto das crianças, o diretor acreditava que isso iria tirar um pouco da magia da interpretação, assim as crianças, apesar de saberem que aquilo não era de verdade, viam apenas os monstros e nunca as pessoas.

O filme é um misto de terror e aventura infantil na medida certa. Se você, como eu, é aficionado por filmes de terror e quer plantar esta sementinha nos seus filhos, apresente a eles “Monster Squad”, mas assista junto por que há algumas cenas mais fortes como um lobisomem se transformando ou sendo desmembrado.

tumblr_morld2Ui9I1qb6lwmo1_500

Papai…Me compra um Frankenstein?

“Deu a Louca nos Monstros” foi a porta de entrada para o cinema de horror para muitas crianças da minha geração, e acredito que ainda não surgiu, para esta geração, um filme com o as mesmas características. Colocar seu filhos para ver “Crepúsculo” não vai fazê-los gostar de terror, vai sim  fazê-los usar batom e lápis de olho.

Vale apena lembrar uma cena emocionante, quando o alemão que assusta diz que seu reflexo não apareceria no espelho se ele fosse um vampiro, o garoto admirado comenta: “Nossa, ele deve entender muito de monstros”, e o alemão diz, “Entendo sim” e neste momento podemos ver no seu braço uma tatuagem de um campo de concentração. Uma cena tocante e genial.

Leonard-Cimino-as-Scary-German-Guy

O Fracasso de Monster Squad fez o diretor Fred Dekker (que até era um cara promissor, já tinha feito o excelente “A noite dos Arreios”) ficar um tempo na geladeira, retornando anos depois para “Robocop 3” o que, desta vez merecidamente, colocou um fim definitivo em sua carreira.

Apesar do fracasso de bilheteria Monter Squad foi reprisado várias vezes no Brasil, se tornando um dos chamados “clássicos da sessão da tarde” e angariando uma legião de fãs por aqui.

O sucesso em home vídeo no mundo todo causou diversos rumores de um remake, alguns até chegaram a fase de pré produção, mas até hoje os fãs estão esperando.

tumblr_inline_mkxyzwhO6j1qz4rgp

Não espere um remake, corra atrás de um raro exemplar em DVD (ou mesmo VHS) e divirta-se muito…

 

Trailer original de lançamento:

Mau Franco
Formado em ciências da computação e pós-graduado em administração e gerenciamento de projetos, trabalha 9 horas por dia em uma grande empresa. O pouco tempo que lhe resta é passado com sua esposa, filhos, cachorros, alguns poucos games e algumas centenas de filmes.

Mau Franco publicou 264 posts. Veja outros.

Publicidade

  • mau_franco

    Quando estava preparando a pauta para a coluna Catálogo deste mês coloquei uma imagem do filme em nossa Fan Page para ver quem reconhecia, realmente muita gente se lembrou, o que comprova o status de Cult mas a primeira pessoa a acertar foi Ana Duarte. Parabéns Ana…

    Vou tentar fazer este teste todo mês, mas da próxima vez prometo escolher uma foto menos óbvia. hehe!

  • bolapucc

    Lembrando q o Shane Black, o roteirista de Máquina Mortífera e diretor de Homem de Ferro 3, é o roteirista desse

    • leonardo

      e o shane black esta como ator em o predador ,ele faz o soldado que usa oculos

  • leandrovallina

    Enquanto não tinhamos Freddy vs Jason esse foi o único (e excelente) crossover de monstros que podíamos assistir.

  • Aleluia

    Vi!!!
    Lembro com sdds, do filme, da época.
    Tem aquele tb: contos da escuridão que tem a estória de uma múmia, um gato preto e uma gárgula

  • Augusto

    Taí um filme que merece virar um FGcast algum dia…