[Catálogo] Esqueça Paris – Uma comédia sobre o amor, após o casamento

À primeira vista, Esqueça Paris, de 1995, até por ter o talentosíssimo Billy Crystal, pode ser encarado apenas como mais uma tentativa frustrada de repetir o sucesso de “Harry e Sally, feitos um para o outro” de 1989, mas devo dizer logo no inicio deste post que, apesar do filme dos anos oitenta ter feito muito mais sucesso, Esqueça Paris é bem melhor.

forget_paris

Se trata sim de uma comédia romântica, nos moldes de todas as outras. Rapaz conhece garota, ele se apaixona, ela não. Rapaz conquista garota. Algo separa o casal. Uma reviravolta final une os dois novamente. Vivem felizes para sempre.

Porém Esqueça Paris, além de ser excelente do inicio ao fim e não apenas no final, além de ser cheia de momentos emocionantes, diálogos sensacionais e situações engraçadíssimas ainda conseguiu fazer o que a primeira vista seria impossível, unir o basquete profissional norte americano com um casal apaixonado em Paris.

No filme, o também diretor e roteirista Billy Crystal é Mickey Gordon, um popular arbitro da NBA que precisa viajar a Paris para enterrar o pai que queria ser sepultado com seus companheiros de guerra.

1337881633994_forgetparis_studio_2x1_Overlay_640_320

Acontece que a companhia aérea perde o Sr Gordon durante a viagem e isso leva a uma série de situações engraçadíssimas e algumas das melhores cenas do filme.

– Como assim como a minha bagagem se parece? Vc quer saber se eu coloquei uma fitinha vermelha na alça do CAIXÃO?

Ou depois, quando a companhia aérea resolve reter o caixão por “questões de saúde”

– Ele está MORTO…ele não tem Saúde!

A atendente da companhia aérea é Ellen, Debra Winger, de “Perigosamente Juntos” mas que surgiu como a Garota Maravilha, uma espécie de versão feminina (não que o original não fosse feminino) do Robin, na série clássica da Mulher Maravilha nos anos 70.

É justamente por esta atendente de Paris que Mickey acaba se apaixonando, eles se encontram novamente no enterro e depois ele acaba ficando mais uns dias em Paris devido aos problemas com o pai.

Micky se apaixonou pela baixinha por que a grandona não estava em Paris

Micky só se apaixonou pela baixinha por que a grandona não estava em Paris

 

Sabem como é, todo aquele clima da cidade Luz, uma coisa leva a outra e os dois acabam loucamente apaixonados.

O grande diferencial, e a coisa mais legal do filme, é que toda a história do casal é contada através de flashbacks, por um casal de amigos enquanto estão em um restaurante, esperando outros chegarem.

A cada pessoa que se junta à mesa, novas partes da história de Mickey e Ellen é contada e o espectador vai acompanhando as reviravoltas e se emocionando junto com os personagens pra quem a história é contada.

Apesar de terem se apaixonado facilmente, continuarem juntos e apaixonados não é tão fácil. Mickey define isso com uma frase clássica:

– Um casamento não dá certo quando uma pessoa está feliz e a outra infeliz. Só dá certo quando ambos estão igualmente infelizes.

forget-paris

Para quem curte NBA, ou pelo menos curtiu nos anos 90, o filme tem momentos espetaculares como a cena em que Micky expulsa Karren Abdul Jabah de seu próprio jogo de despedida. Além de contar com a participação de vários astros da época como Isiah Thomas, Clive Barker, David Robinson, Patrick Ewing, Reggie Miller entre outros. Apenas não tem o maior de todos, Mickael Jordan, que na época devia estar visitando Pernalonga.

Billy Cristal é um dos melhores atores de comédia de todos os tempos, e se consolidou como um excelente roteirista e diretor, depois do emocionante “Mr Saturday Night” de 1992. Isso sem falar que ele é disparado o melhor apresentador que o Oscar já teve.

Neste filme ele conseguiu ter ao seu lado uma atriz tão talentosa e carismática que ninguém se perguntou onde estava a Meg Ryan. Ela não precisou fingir um orgasmo mas teve uma cena que envolve um pombo grudado na cabeça que com certeza também é inesquecível.

375-2

Algumas cenas do filme ficarão repassando na sua cabeça semanas depois de assisti-lo, eu me peguei rindo sozinho alguns dias depois de ver o filme, como quando o sogro vem morar com eles, e fica repetindo o slogan da Toyota.

–  You asked for it…you got it. Toyota. (quando ver o filme vai saber por que isso é engraçado)

Ou quando ele descobre que Ellen é casada (no inicio do filme portanto não é spoiler)

– Ele é francês?

– Sim

– Ele é bonito?

– Sim

– Ele é rico?

– Sim

– Ele tem uma irmã?

 

Se você gosta de comédias românticas, com certeza não pode perder essa.

Se você não gosta de comédias românticas, mas quer fazer uma moral com a patroa, veja essa. Eu garanto que ela vai adorar e que você, pelo menos uma vez na vida, não vai dormir no meio do filme.


Trailer:

Mau Franco
Formado em ciências da computação e pós-graduado em administração e gerenciamento de projetos, trabalha 9 horas por dia em uma grande empresa. O pouco tempo que lhe resta é passado com sua esposa, filhos, cachorros, alguns poucos games e algumas centenas de filmes.

Mau Franco publicou 270 posts. Veja outros.

Publicidade