[Scary Shit] Intruder (1989) – A mente doentia (e genial) de Sam Raimi

intruder-1989 (4)

Hoje todo mundo conhece Sam Raimi dos filmes da trilogia (que já pode ser chamada de trilogia clássica) do Homem Aranha. Os mais antenados sabem que ele é o responsável pela série clássica de Evil Dead (A Morte do Demônio), e também participou da produção do remake em 2013, considerado por este que vos escreve o melhor filme do ano.

Para ler o nosso post sobre a vida e obra de Sam Raimi clique aqui.

Muita gente conhece também filmes como Darkman, Vôo Noturno ou Arraste-me para o Inferno, outros belos trabalhos deste grande diretor.

Porém muita gente não conhece este que é um dos filmes com mais cara de anos oitenta (pudera, foi feito nos anos 80) de Sam Raimi. Na verdade a direção do filme é creditada a Scott Spiegel (um velho amigo), mas quem assiste o filme pode ver que o trabalho de Raimi foi muito além de uma consultoria e uma participação especial.

Sam Raimi em tela...mas não se anime...

Sam Raimi em tela…mas não se anime…

 

mp32011-intruder-1989

…ele não dura três minutos.

 

Intruder (sem nome nacionalizado, nem mesmo uma tradução simples “Intruso” ou “Invasor”), de 1989, é absolutamente um filme “slasher”. Pra quem não está familiarizado com o termo, “slasher” é aquele tipo de filme em que um assassino maníaco (na maioria das vezes mascarado ou em ângulos que não mostram seu rosto) sai matando um grupo de pessoas (geralmente jovens pelados) das formas mais violentas possíveis até que no final apenas uma pessoa sobreviva (geralmente uma mulher, a única virgem da turma).

intruder-4.5

Toda ação do filme se passa em um supermercado, e em apenas uma noite

Estamos em um supermercado, uma das caixas é assediada por um ex-namorado pouco antes do horário do fechamento mas o maluco é contido por outros funcionários, posto pra fora e tudo parece resolvido. A loja fecha e alguns funcionários estão realizando trabalhos noturnos como reposição de estoque, corte de carnes ou inventários. O ex-namorado da caixa resolve invadir o estabelecimento e é quando as mortes começam.

Realmente o filme não é famoso por sua originalidade, mas ele acabou se tornando um grande clássico do terror e cultuado por muitos, por ter alguns bons sustos mas principalmente por ter cenas de morte extremamente bem elaboradas e muito, muito sangue. Além é claro de todo o marketing que a fama atual de Sam Raimi pode ter dado ao longa.

bruce

Conhece o policial aí acima? Ele mesmo Bruce Campbell, o eterno Ash

Para se ter uma ideia do nível de elaboração das cenas, uma das cenas mais clássicas do filme (quando uma pessoa tem o rosto atravessado por uma serra elétrica de açougue) foi cortada dos cinemas na época do lançamento pois após as primeiras sessões surgiram acusações de que um cadáver de verdade teria sido usado. Na verdade assistindo hoje a versão lançada em bluray percebe-se claramente o boneco mas dá pra entender as pessoas que levantaram essa suspeita na época, a cena é realmente muito bem feita.

500full

De resto o filme não tem nenhuma grande novidade, funciona principalmente pela nostalgia dos grandes slashers dos anos oitenta e de todo o sangue apresentado, há uma tentativa de revelação surpreendente no final, mas nada que arranque grandes exclamações de surpresa do público.

Intruder-Renee-Estevez-rotary-phone-POV

Tomadas extremamente criativas, mais uma marca registrada de Sam Raimi

Se você é fã do cinema de horror, se cresceu nos anos oitenta vendo filmes como Sexta-feira 13 ou Halloween, ou conseguiu e divertir nos anos noventa com a enxurrada de slashers de baixo orçamento que saíram na cola do bom “Pânico”, com certeza vai se divertir com Intruder, uma reunião de amigos que resultou em um excelente filme de terror.

Mas procure a versão do diretor, a chamada “sem cortes”, onde ironicamente temos muito mais cortes em cena.

Trailer:

Mau Franco
Formado em ciências da computação e pós-graduado em administração e gerenciamento de projetos, trabalha 9 horas por dia em uma grande empresa. O pouco tempo que lhe resta é passado com sua esposa, filhos, cachorros, alguns poucos games e algumas centenas de filmes.

Mau Franco publicou 259 posts. Veja outros.

Publicidade