Megamania [Botão Solitário]

Antes de ter um jogo do ET, o Atari teve um jogo do Star Wars.

m1
É claro que a simples afirmação que este jogo é baseado em um filme específico é infundada, mas podemos afirmar que Star Wars, Star Trek e outras obras da ficção cientifica foram responsáveis pela criação de um dos maiores clássicos do Atari.
Por isso na coluna Botão Solitário deste mês (veja os outros AQUI) iremos relembrar do sensacional Megamania.

Jogo e a historia:

m2
Como na maioria dos games do Atari não temos uma historia aprofundada, mas nesse game apenas identificamos que nós somos uma nave espacial e que devemos destruir os objetos que estão passando sobre nós, mas ao contrário de Space Invaders não podemos afirmar que a nossa nave está posicionada sobre o planeta Terra, até porque, se você não conseguir destruir os inimigos de primeira, eles vão tocar no chão e milagrosamente vão aparecer em cima da tela, ou seja, não se preocupe desesperadamente em defender o seu chão e sim em destruir os inimigos. A sua nave tem apenas os movimentos laterais e os tiros também são em velocidade mais devagar do que os games convencionais.

Gráfico e Som:

Infelizmente com a pouca potência do console, a maioria dos jogos do Atari tinha o som limitado a apenas efeitos sonoros de tiros, explosões ou um rugido estranho que é a recuperação de energia, nada de musiquinha por aqui. Os gráficos são bem simplórios, uma tela preta e a sua nave azul no meio da tela, e os mais estranhos objetos que você possa imaginar vão cair sobre você.

O legal de Megamania é que cada pessoa que jogou o game na época deu um apelido diferente para os objetos a serem destruídos.

m3

Aqui um ataque de “rolos de filme”

m4

Para alguns “salgadinhos de queijo” para outros a logo marca do Banco do Brasil (kkk)

m5

Trator ou Ferro de Passar desgovernado

m6

Essa é fácil… as gravatas borboletas estão atacando

Jogabilidade e dificuldade:

A sua nave não é rápida, por isso você vai morrer muitas vezes tentando fugir dos inimigos, e ele são mais rápidos do que você.

Outra coisa estranha de se acostumar é com os tiros lentos da nave. Aqui cada tiro é importante, por isso não adianta ficar apertando o botão de tiro que nem um desesperado, na verdade a dica é fazer o tiro chegar ao objeto. E de certa forma você controla o seu tiro, já que ele segue a mesma direção da sua nave mesmo após sair dela.
Isso apenas deixa o game difícil e divertido, poucas pessoas conseguiram dar “duas voltas” em Megamania. Fica aqui o desafio pra você tentar.

m7

Conclusão:

Quase tão viciante como o Tetris, Megamania tem inúmeros fãs que até hoje baixam aplicativos para seus tablets. Eu mesmo costumo jogar alguns games de Atari online, existem vários sites bons que permitem isso. E caso você nunca tenha jogado, perca uns três minutinhos do seu dia (tempo médio de uma partida) e jogue o game. Com certeza você não vai conseguir jogar apenas uma partida.

Minha nota para Megamania é 9 de 10.

Gameplay onde o jogador “terminou” o game.

Comercial do Megamania:

 

Se você curte jogos antigos, visite as colunas Botão Solitário (Atari), NEStalgia (Nes) e 16 Bits Fever (Mega/Snes)

Até a próxima e bons jogos

Fui pro game…

Leandro Vallina
Formado em Comunicação Social. Tem como prioridade na vida cuidar da filha, jogar videogame, alimentar e passear com os cachorros, alimentar e passear com a esposa e jogar mais um pouco de videogame.

Leandro Vallina publicou 1091 posts. Veja outros.

Publicidade

  • leonardo

    Leandro, me deu saudade de jogar o atari eu tive jogando um outro dia, faz algum tempo eu joguei o massacre da serra eletrica e o halloween, e é claro o meu preferido seaquest. mas não lembrei do megamania vou ter que jogar .Parabéns pela coluna do atari

    • leandrovallina

      Leo, vá jogar Megamania que ele é tão bom e viciante quanto o Seaquest (que eu também escrevi na coluna Botão Solitário, por que é um dos meus preferidos)

  • Pingback: FILMES E GAMES - E tudo sobre a cultura POP | E.T. The Extra-Terrestrial - Atari (Botão Solitário)()