Jogamos: Guitar Hero Live [BGS 2015]

Em 2007, o mundo conheceu um game que revolucionou jogos musicais nos consoles. Trazendo uma guitarra como instrumento e alguns dos maiores clássicos do rock, Guitar Hero apresentou uma forma completamente nova de se brincar de tocar guitarra. Depois de uma série de jogos, que trouxeram algumas inovações no gameplay, como duelos e modo de banda completo, a série começou a cair na mesmice. Agora, depois de 4 anos do seu último jogo lançado, a franquia se reinventa mais uma vez com Guitar Hero Live.

maxresdefault

O novo jogo da franquia trouxe uma série de mudanças, a principal é a nova guitarra. Diferente da anterior em que tínhamos 5 botões em uma linha, cada um de uma cor, agora o controle possui 6 botões, ordenados em 2 linhas de três botões, cada linha representada pela cor branca ou preta nas notas da tela. Essa mudança foi feita em base de que muitos jogadores utilizavam apenas 3 dedos, o que dificultava a execução de várias notas. Mas essa foi uma mudança satisfatória? E como!

02_ghlive_guitarra2

O braço da nova guitarra

Nunca antes jogar Guitar Hero se aproximou tanto da experiência de tocar uma guitarra de verdade. O posicionamento dos novos botões simula muito bem o ato de fazer acordes em uma guitarra, afinal, agora haverá momento da música em que terá que colocar os dedos nos botões superiores e inferiores ao mesmo tempo. Outra novidade é a “pestana”, que é o momento em que o jogador tem que apertar ambos os botões da linha para acertar a nota, muito parecido com o que é feito no instrumento real, assim como as novas notas em que não é necessário pressionar nenhum dos botões, apenas palhetar a linha que aparece na tela da mesma forma que o pedal da bateria aparecia nos jogos anteriores da franquia.

Mas a novidade que mais chama a atenção é a imersão que o jogo traz. Antes, durante a música, o jogador podia assistir a banda tocando, o que era bem interessante, mas nunca foi o foco do jogo. Agora em Guitar Hero Live, o jogador é posto na posição do guitarrista da banda, vendo toda a ação do palco em primeira pessoa, o que torna a experiência absurdamente mais imersiva e divertida. É muito legal ver as reações do resto da banda e da plateia com o seu desempenho, que vai desde fangirls gritando por você se está mandando bem, ou o bateirista perguntando como você pode estar tão mal, ao errar uma série de notas.

GirlsonGames_GuitarHero_crowdreaction

De longe o jogo mais divertido que pude conferir no evento, Guitar Hero Live pôde ser experimentado no estande da Sony e no da Activision, e chegará às lojas no dia 20 de Outubro de 2015, para PS3, PS4, WiiU, Xbox One, Xbox 360 e iOS.

Guilherme Vitoriano
Devorador de Livros e Quadrinhos, domador de jogos.e Nerd assumido. Apreciador de uma boa música e apaixonado por suas meninas.

Guilherme Vitoriano publicou 238 posts. Veja outros.

Publicidade