Grow Up – Análise e Gameplay – PS4, Xbox One e PC

Você vai ficar com tanta raiva ao controlar esse robô que vai até gostar do jogo.

gr1

Grow Up foi lançado em agosto de 2016 pela Ubisoft e é a sequência direta de Grow Home (esse eu não joguei).

História:

Você estava de boa pelo espaço quando a sua nave é despedaçada por uma chuva de meteoros, os pedaços da nave caem em um planeta e você tem a missão de vasculhar esse planeta para achar cristais (que dão o combustível) e a nave.

O game de mundo aberto tem gráficos no “estilo indie” que já estamos acostumados a ver, nada muito novo, lembrando que esse game é da parte Indie da empresa Ubisoft , algo como “não tem TODO o orçamento que um Assassins Creed tem”. O cenário a vasculhar é enorme, terra, mar e penhascos, tudo está ao seu alcance (e pode te matar).

A trilha sonora do game é um plus à parte, músicas no melhor estilo new age vão te relaxar enquanto você escala vários metros de altura. Habilidades diferentes são adquiridas no meio do game: jato propulsor, paraquedas planador e até em uma bola você pode se transformar (lembrou-se de Sonic?).

A dificuldade do game não é alta, apenas o tutorial inicial é um pouco confuso, como o robô anda em uma gravidade diferente da normal (sabe astronauta andando na Lua?) a dificuldade será conseguir controlar o robô e usar as habilidades para alcançar pontos altos sem se esborrachar lá de cima, a câmera do game também vai atrapalhar bastante (propositalmente) mas é um desafio aceitável, daqueles que você sabe que basta treinar um pouco mais para conseguir passar. Este é daqueles games que dá uma “raiva gostosa” que te estimula a jogar e passar.

A distância engana:

gr3

Uma das pegadinhas do game é que você tem que praticamente andar o planeta inteiro pra fazer os desafios e achar itens. Ao ver o imenso mapa, a chance de você ficar com preguiça de ir até outro lado do planeta é grande, mas não se deixe enganar. Usando algumas habilidades é possível cruzar o planeta em apenas três pulos (isso mesmo).

Uma leve pitada de Minecraft:

gr2

A principal característica do seu personagem é que após um primeiro contato com algum objeto (planta por exemplo), você é quase que uma impressora 3D e consegue reproduzir esse objeto quantas vezes forem necessárias. Isso pode ser útil para fazer uma escada ou criar uma floresta de plantas trampolins. Se bobear corre o risco de você abandonar por alguns minutos a missão principal do game pra ficar criando florestas trampolins em algum lugar.

Grow Up é um game com gráficos bacanas, música acima da média, mas com ideias originais na jogabilidade. Vale a pena para você sair um pouco dos games mainstream que está jogando atualmente e pegar algo diferente e até um pouco desafiador.

Nota do Autor: 7.5
Nota do público:(0 votos) 0
Dê a sua nota:

Gameplay:

Leandro Vallina
Formado em Comunicação Social. Tem como prioridade na vida cuidar da filha, jogar videogame, alimentar e passear com os cachorros, alimentar e passear com a esposa e jogar mais um pouco de videogame.

Leandro Vallina publicou 1064 posts. Veja outros.

Publicidade